sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Esquema Sobre o Artigo Acadêmico


Resumo

1. O artigo descreve sobre o que é o Orkut e como este poderia ajudar a promover uma imagem organizacional.

Introdução

1.      As organizações com necessidades de visibilidade e credibilidade no mercado.
1.1.Relacionamento com o público.
1.2.Organizações que utilizam internet através das redes sociais para propagar sua imagem perante seus públicos.

Imagem Organizacional

1.      A imagem passada pode ser diferentemente percebida de pessoa para pessoa causando inúmeras interpretações para o mesmo objeto.
2.      Na sociedade atual, uma imagem ruim pode significar o fim de uma organização.
3.      A imagem de uma organização não é necessariamente correspondente a sua identidade ou personalidade mas, estão diretamente relacionados.
4.      O principal papel da comunicação organizacional é tentar aproximar a imagem da identidade.
5.      Para uma imagem ser construída deve haver propagação da identidade da organização.
6.      A comunicação organizacional precisa utilizar mídias.
7.      O Orkut é a rede social ,no Brasil, mais utilizada para propagar a divulgação de uma imagem por ser uma rede gratuita e de fácil acesso.

Redes Sociais: O que são e Como Funcionam?

1.      Uma rede social é relação entre pessoas e laços sociais.
2.      Esses laços sociais geram uma troca de informação.
3.      A troca de informação é feita por pessoas que conversam sobre algum tema
4.      Mais laços são criados nessa troca de informações

A Mais popular rede social no Brasil

1.      Orkut, um “software social” que alcançou grande popularidade entre os internautas brasileiros
2.      Atualmente, 53,45% dos usuários do Orkut são do Brasil, os demais ficam divididos.
3.      Basicamente, este software funciona através de perfis e comunidades
4.      As comunidades no Orkut são criadas pelos usuários da rede, agregando grupos que se identificam com a proposta e descrição da comunidade.

O Orkut como ferramenta

1        O Orkut pode ser visto, assim, como uma das possibilidades das organizações se inserirem ou serem inseridas neste novo contexto.
2.      Orkut, como forma de utilização da própria rede para promoção e avaliação.
3.      Essas práticas estão cada vez mais sendo usadas, grandes empresas financiam as redes sociais, mas está fora de questão no presente momento.
4.      Usuários do Orkut criam comunidades sobre está ou aquelaorganização, ou porque se identificam com esta ou, por vezes, por que não concordam com certas atitudes da mesma
5.      Orkut se constitui em uma mídia alternativa gratuita, de fácil utilização e atualização, onde as informações ficam registradas on-line para futuras verificações
6.      A possibilidade das organizações se inserirem no Orkut é evidente devido à facilidade de cadastro na rede e facilidade de criação de comunidades para a propagação da identidade da organização
7.      Além disso, as organizações podem ter perfis fakes, mas estes no bom sentido, no
sentido de representarem uma organização e sua personalidade
8.      É através das comunidades que podemos constatar a troca de capital social maisrelevante ao estudo.
9.      As organizações que tem seus públicos centrados em uma faixa etária de 18 a 25anos encontram maior facilidade de mensuração da sua imagem quanto de propagaçãona rede.
10.  Essa faixa toma conta de 60,24% da rede, sendo que podem conter menores de idade que não deveriam estar na rede, mas que burlam a regra.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

1.       Os horizontes da comunicação, mediada por computador aumentam e atraem cada vez mais usuários que podem ser estudados e entendidos como uma forma de medir e propagar a imagem organizacional.

           2.   Esses sites possibilitam um maior estreitamento das relações
profissionais, já que facilitam o contato com funcionários, fornecedores etc.

3.      Contribuição das redes sociais na Internet para a comunicação organizacional seria no estudo do comportamento dos seus públicos, comportamento como um todo, não somente perante a organização, para que cada vez mais a comunicação com e para eles seja mais adequada e direcionada, garantindo maior eficácia das ações comunicacionais.
4.      Contudo, o estudo da imagem organizacional nas redes, objetivando aqui o Orkut,encontra alguns problemas no que dizem respeito à confiabilidade nos perfis ecomunidades criados. Devido à facilidade de cadastramento e ascensão dos perfis fakes(aqui tratados no sentido negativo), a apropriação do Orkut por algumas pessoas de máfé pode acabar com a imagem de uma organização ao serem espalhados boatos edifamações sem fundamento real com o intuito de acabar com a concorrência.

Videos Relacionados

Matéria exibida no Fantástico:


            Esse vídeo mostra a proporção em que chegaram as redes sociais na internet. Tão comum entre as pessoas que as estatísticas mostram que a cada 5 brasileiros com acesso a internet 4 fazem parte de alguma rede de relacionamento.
            Mais que isso, o vídeo relata ainda que há mais de 1 bilhão de internautas nas redes sociais e que mais da metade possui idade acima de 35 anos. Demonstrando que não só apenas os jovens que são público alvo das redes sociais.
            O que chama atenção no vídeo é o depoimento de Dona Otália Durval, 65 anos de idade, porém em um dos sites de relacionamento ela alega ter 25 anos tendo mais quatro perfis na internet. E ainda possui 2 namorados, um com a idade real e o outro a idade virtual.
            Uma outra vantagem das redes sociais na internet é o twitter. Ele funciona como um miniblog onde você apresentar mini textos para quem quiser ver. Sua utilidade é troca rápida de informações, sendo muito viáveis em alertar problemas de trânsito, noticias, achar perfis profissionais, promover eventos ou até mesmo reunir os amigos em lugares.
            Outro exemplo é o olhar diferentes das empresas para as redes sociais, tendo em vista que lá os internautas dão sua opinião contra ou a favor de produtos e empresas. O que gerou a necessidade de estar antenado em que o cliente está pensando, no que está precisando e etc.
            Esses sites ainda geram conflitos, tendo em vista que você está sendo exposto a qualquer tipo de pessoa que possa a se relacionar com você. Mas os votos a favor ainda permanecem, por que as redes sociais na internet ajudam a conhecer e se relacionar com pessoas que possuem os mesmos interesses além de manter contatos com amigos e familiares mesmo que a distância.

http://www.youtube.com/watch?v=-CnYL5Jml6Q

------------------------------------------------------------------------------------

Matéria Exibida na primeira edição do Dftv:



           A reportagem demonstra que o email está sendo deixado de lado e cedendo lugar para a Era das Redes Sociais. Indo além de interpretações simplistas que a priori condenam essas redes como alienantes e desinformativas, argumentamos que elas têm a vantagem de fornecer respostas rápidas e curtas ao contrario do email onde você precisa esperar um grande tempo para ter a resposta da outra pessoa.
O maior publico alvo dessas Redes Sociais são os adolescentes que ficam “online” quase 24 horas por dia. A troca de informação serve para diversão e estudos, usando computadores em casa, notebooks e até celulares para tal. Entretanto, o uso destas tecnologias não se limitam só aos estudantes, professores também têm usufruído de seu uso para fins educativos: para troca de informação sobre a matéria, ajuda na resolução dos exercícios e até tiram as duvidas do estudantes. Isso é um reflexo da nova geração que está surgindo, e é também uma tendência que se segue para o futuro.



------------------------------------------------------------------------------------


 Matéria Exibida no Campus Party:


           O vídeo fala sobre a discussão de inserir as empresas nas redes sociais como forma de marketing.         
            Alguns sites de relacionamento, como o twitter, participantes discutem sobre empresas, produtos. As empresas estão interessadas em  participar dessas conversar a fim de melhorar seu produto e tentar demonstrar que está do lado do cliente.
            Beto Aloureiro, foi pioneiro nesse debate. Há 4 anos ele criou o primeiro blog coorporativo onde a intenção era demonstrar produtos de empresa.  E hoje há necessidade de um especialista em redes sociais para dar continuidade no trabalho.
            Especialistas afirmam que esse é um novo momento, onde ainda há muito o que se fazer pois o cliente está a um click.

http://www.youtube.com/watch?v=XtFb8GwOUZM


Confira os Vídeos!!!

Texto sobre Artigo Acadêmico

Opinião do blog sobre o tema.

Título: Orkut como ferramenta da imagem organizacional
Autor: Larissa Rilho Munhoz ( Estudante do 7º semestre de Comunicação Social Habilitação Publicidade e Propaganda - Universidade Católica de Pelotas - UCPel)



O artigo fala sobre a importância das redes sociais para a organização, pois é um grande meio de divulgação sobre o tema.  A principal rede social usada no Brasil é o Orkut. A principal idéia se baseia em usuários que criam comunidades e entram. Comunidades que são sobre algum tema ou a organização em debate. Usuários criam laços sociais por meio dessas comunidades, onde discutem sobre os pontos bons e ruins sobre determinado tema. A produtividade feita sobre essa troca de informação é chamado de capital social, esse capital faz a imagem da organização.
            Para atingir o publico, hoje, as empresas precisam se adaptar ao novo mundo, ai é quando entra as redes sociais, no caso da realidade brasileira, o Orkut, já que mais de 54% dos usuários do Orkut são brasileiros. Organizações/Empresas criam perfis para atingir esse público mostrar o seu trabalho/produto. Por meios de ferramentas oferecidas pelo Orkut, como as comunidades, é divulgado todo esse trabalho, onde é aberto para os usuários para discutirem sobre os pontos bons e ruins da organização. Com essa rede, é possível para a organização saber sobre o que os clientes acham, e estar mais perto deles para atingir suas necessidades.
            Na opinião do grupo, a inclusão de empresas/organizações ajuda tanto a instituição como o publico que a vê nessa rede, pois com a empresa mais perto do publico, é possível obter mais informação sobre a instituição e discutir seus objetivos/produtos. Essa proximidade com o publico trás também objetivos para as pessoas como trabalhar na instituição, etc. Orkut é a melhor ferramenta para reunir esses objetivos, pois possui ferramentas que integram tanto a instituição como o publico alvo, comunidades, enquetes e até as conversas entre os próprios usuários que os usam.
            Foi apresentado idéias sobre redes sociais e internet, onde colocamos vários links onde as pessoas possam ter idéias sobre como funcionam as redes sociais. Como ferramenta as redes possuem diversos pontos de vantagens onde cada pessoa que às utilizam, como o Orkut, facebook, twitter, etc. O principal objetivo para a utilização é a criação de laços sociais, amizades, pesquisas sobre determinado tema, e até mesmo para contato profissional e também utilizar para obter uma informação mais utilizada. Conclui-se que as Redes sociais fazem parte da vida da maioria dos usuários, pois, usuários utilizam um simples fórum para se manter informado. A necessidade criar vínculos com alguém ou a instituição é necessária para ambos, pois com esses laços é possível atingir ambos objetivos.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Links interessantes sobre assuntos diversos envolvendo Redes Sociais

http://tecnologia.terra.com.br/interna/0,,OI4636835-EI4802,00.html

-> Link de uma noticia que retrata sobre pedofilia nas redes sociais

http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM1332278-7823-ADOLESCENTES+DEIXAM+EMAIL+DE+LADO+E+MERGULHAM+NAS+REDES+SOCIAIS,00.html

-> Link sobre o video que blog comentou

http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_redes_sociais

-> Link sobre descrições técnicas de redes sociais, quantos menbros associados e etc.

http://www6.ufrgs.br/limc/PDFs/redes_sociais.pdf

-> Link sobre Artigo acadêmico que fala sobre insuficiência dos modelos de redes para dar conta do problema das redes sociais estabelecidas através da comunicação mediada por computador.

Notícia sobre Semana da Engeharia

     A semana da engenharia ocorreu no periodo do dia 09 a 12 de novembro, realizada no auditório do bloco 08. A semana teve mini-cursos, palestras, exposições e apresentações de projeto final. O que chamou a atenção de professores e alunos,foi a casa automatizada e os grupos que produziram e criaram robôs de combate. No nosso caso, na semana da engenharia ficamos focados em terminar nosso robô para apresentá-lo a tempo. Tendo em vista que as apresentações de robô foram feitas para os diversos públicos. Depois foram colocados em exposição para incentivar os alunos que já no primeiro semestre tiveram a oportunidade de produzir o robô.

domingo, 21 de novembro de 2010

Entrevista sobre o tema do blog


Foi entrevistado Bruno carvalho de Almeida estudante de Direito do 5º semestre do centro universitário UNICEUB, dando sua opinião sobre um tema muito discutido hoje em dia que é Redes Sociais.

Redes Sociais: Você participa de Alguma Rede Social? Se sim, quais?
Bruno Carvalho: Twitter, Facebook, Linkedin.

Redes Sociais: Com qual freqüência você as acessa?
Bruno Carvalho: Todos os dias.

Redes Sociais:Por qual motivo você utiliza uma rede social?
Bruno Carvalho:Facebook para encontrar amigos, twitter como miniblog e o linkedin para contatos profissionais.

Redes Sociais:Ela traz algum benefício em sua vida?
Bruno Carvalho: O twitter é bem informativo, o facebook é mais para comunicação.

Redes Sociais:Por que as redes sociais, hoje, se tornaram tão importantes?
Bruno Carvalho: Pela facilidade de acesso juntamente com a necessidade de comunicação.

Redes Sociais: Na sua opinião, como a mídia interpretam as redes sociais?
Bruno Carvalho: Como meio de propaganda e de tornar informações públicas.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

video

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

INTERVOZES. Levante a sua voz!


Em 12 de dezembro de 1948 foram instituídos os direitos humanos, direitos que envolvem liberdade e que nos diferenciam dos animais, visto que “somos bípedes, mamíferos, dotados de tele encéfalo altamente desenvolvido e polegar opositor”.
O vídeo “Levante sua voz” demonstra que os direitos humanos envolvem o conceito de ir e vir e garante que as diferenças e liberdades individuais sejam respeitadas. Um exemplo é a constituição de uma família que se segmenta em pai, mãe e filhos. Porém em alguns países da Europa essa família pode ser dotada de dois pais ou duas mães, e filhos. Já no Brasil a constituição proíbe esse tipo de união oficial.
As famílias e as pessoas para se comunicar usam os seus cinco sentidos (visão, olfato, paladar, audição e tato). A maioria das pessoas utilizam a fala como maior meio de comunicação por que é mais fácil, simples e não custa nada. Porém se estas famílias ou pessoas quiserem se comunicar em uma maior proporção deve-se se utilizar meios de comunicação, normalmente televisão ou rádio por atingir um contingente maior. Mas para atingir esse público alvo, é exigido uma concessão pública que é um acordo entre o dono da emissora (seja ela de rádio ou televisão) e o governo, concessão que proibi o dono da emissora, a ter mais de cinco canais, e ter no máximo 25% da sua programação direcionado a publicidade e 5% para programação jornalística. Os EUA e Brasil venderam quase 100% de seus canais de TV para as emissoras privadas, porém no Brasil o oligopólio não possui limites,  pois além da TV pode possuir rádios, jornais e revistas. Já em países da Europa e Ásia mais de 40% das emissoras são públicas (não visam lucros).
Quem domina o mercado brasileiro de comunicação são políticos e deputados, pois conseguir essa concessão é mais fácil, já que eles são, geralmente, amigos de outros deputados, senadores, prefeitos e até o presidente. Além de que com todo esse poder e oligopólio os donos de emissoras podem comandar e manipular toda a informação que eles queiram que o Brasil e sua população vejam todos os dias. Manipulação que é chamada de Edição, sempre usada para cortar ou sobrepor qualquer tipo de informação que eles não querem que nós, público em geral, não soubemos. Hoje o público se motiva a fazer seu próprio meio de comunicação, um exemplo é a radio feita por e para deficientes visuais, rádio livre e sem uma grande censura.
Hoje no Brasil há cerca de 20.000 pedidos para conseguir uma concessão para criação de uma emissora, 7.559 desses pedidos foram arquivados e 3.536 foram negados 3.652 foi atendido, o resto ainda está no ministério das comunicações. E os governos fecharam 6.716 dessas emissoras, uma delas foi a rádio feita por e para o público de deficiência visual, levando em conta que o número de fechamento é quase o dobro de concessões que foram atendidas. Rádios sem essa concessão é crime, e pode levar pena maior que as de lesão corporal e cárcere privado. Esse fato deve mudar, os meios de comunicações devem ser livres do governo e de uma possível censura, algo feito do povo para o povo.
                Visto que os meios de comunicação, rádio, televisão, internet, entre outros, é um dos meios mais utilizados atualmente, acreditamos que emissoras de TV deveriam possuir mais de 5% de programação jornalística, para passar mais informações, e também haver uma programação educativa, atualizando as pessoas sobre seus direitos e deveres, além de formalizar mais a população, e tornar mais pública a existência da censura e o consentimento de criação de uma emissora, mostrar que essas emissoras podem exercer uma função importante na formação de uma pessoa, pois a comunicação está desde o começo e até o fim de nossas vidas.

A seguir vídeos relacionados.

Parte1.
http://www.youtube.com/watch?v=gf3Votr52QQ&p=088428ADB4B6CAC2&playnext=1&index=39

Parte2.
http://www.youtube.com/watch?v=gr6qFODxkAA&feature=related